Bloco K

(Como se adequar ao SPED fiscal?)

Programa de treinamento presencial - Turmas fechadas exclusivamente in-company
“Não basta ser honesto, é preciso demonstrar honestidade... e Consistência é a chave.”
8 horas
  • Conheça as exigências do SPED fiscal (Blocos K e H).

  • Saiba como avaliar se o seu processo de inventário atende aos requisitos do Bloco H.

  • Avalie se a gestão de Cadastros atende aos requisitos do bloco K.

  • Saiba como eliminar duplicidades e redundancias.

  • Saiba avaliar sua ficha técnica (BOM).

  • Saiba como calcular as perdas padronizadas.

  • Saiba como lidar com alterações das formulações.

  • Saiba como medir a qualidade das suas informações.

  • Saiba como a tecnologia da informação pode lhe auxiliar.

  • Compreenda como tirar proveito destas obrigatoriedades.

  • Saiba como assegurar a perpetuação, evitando problemas futuros.

 

 

A) Módulo cenceitual (introdução e sensibilização)

  1. O que é o SPEP fiscal?

  2. O que são os blocos K e H?

  3. Quais as penalidades?

  4. Quando? (cronograma e prazos)

  5. Quem? (envolvidos)

  6. Quais são os impactos (penalidades) e desafios?

  7. Quais as informações exigidas?

  8. Detalhamento dos layouts dos registros:

  • Registro 0190 – Unidades de medidas

  • Registro 0200 – identificação dos Itens (produtos/serviços).

  • Registro 0300 – Cadastro de Ativo imobilizado.

  • Registro 0210 – Consumo Específico Padronizado.

  • Registro 0305 – Utilização do bem.

  • Registro H005 – Totais dos inventários.

  • Registro H010 – Saldos apurados nos inventários.

  • Registro K200 – Estoque Escriturado.

  • Registro K220 – Outras movimentações internas entre mercadorias.

  • Registro K230 – Itens produzidos.

  • Registro K235 – Insumos Consumidos.

  • Registro K250 – Industrialização efetuada por terceiros – itens produzidos.

  • Registro K255 – Industrialização em Terceiros – insumos produzidos

 

B) Módulo aplicado

  1. Radar Bloco K (compilação das novidades).

  2. Onde queremos chegar? (informações exigidas)

  3. Detalhamentos dos layouts dos registros.

  4. A importância da Gestão dos cadastros (PDM): Codificação, Descrição e Classificações

  5. A importância dos Inventários (geral e/ou rotativo)

  6. Como preencher a ficha técnica (estrutura do produto/BOM)?

  7. A importância dos softwares de gestão integrada

  8. O que muda nas ordens de produção?

  9. O que acontece quando utilizamos kanbans?

  10. Como lançar diferentes apresentações do mesmo produto?

  11. Quais perdas podemos/devemos registrar?

  12. Reportando substituições Beneficiamentos em terceiros Metodologia para regularização dos Blocos H/K

  13. O que será auditado pelo fisco?

 

  • Daniel Gasnier é Engenheiro pós-graduado em Administração da Produção, Finanças e Logística.
  • Sócio-diretor da Consultoria DanielGasnier.com e Clube da Entrega.
  • Certificado como Profissional de Gerenciamento de Projetos (PMP) pelo PMI/EUA e Jonah em Teoria das Restrições; Participou de Missão Técnica ao Japão e cursos nos EUA e Europa.
  • Durante 30 anos como Gerente de Projetos liderou mais de 200 projetos e como professor treinou 30 mil profissionais nas especialidades de Gestão de Estoques, Supply Chain Management, Custos e Desenvolvimento Organizacional.
  • Autor de diversos livros, tais como o Guia Prático de Gerenciamento de Projetos, Planejamento no SCM, Comunicação Empresarial e Dinâmica dos Estoques.... e editor do site DanielGasnier.com.
 
 
programa poderá ser adaptado especificamente para cada empresa.
 
Apresentar os detalhes da escrituração digital, de forma a compreender como preparar as informações os exigidas pelo SPED (templates dos blocos K e H), organizando seus dados e os processos de forma consistente, saneando duplicidades e anomalias, incrementando a acurácia das informações (descrições padronizadas, NCM, perdas, alterações, etc) e perpetuando a consistência dos dados.
 
 
Carga Horária:
8 horas (1 dia integral).
Observação: Estes horários podem ser ajustados conforme conveniência da empresa contratante.
 
Modalidade: 
Presencial e Exclusivamente In-Company (curso fechado).
 
Investimento:
Consulte-nos sobre preços: Solicite uma proposta.
 
Data: 
Treinamento será agendado em comum acordo, conforme conveniência da empresa contratante (dias de semana ou sabados).
 
Local: 
A empresa contratante do curso designa o local (nas suas próprias instalações, hotel próximo ou em nossos escritórios em São Paulo ou Campinas/SP).
 
Incluso:
  • Apostilas aos Participantes.
  • Certificado de Participação.
  • Acesso ao Conteúdo Digital Exclusivo do Participante.
  • Hotline para Consultas e Esclarecimento de Dúvidas.
 
Opções Complementares (não inclusas):
  • Consultoria: Para empresas que desejarem estender este curso, através de uma assessoria Tecnica ou Clinica para diagnóstico, modelagem das regras de negócio e suporte para implementação, é oferecido uma condição especial de desconto: Consulte-nos.

 

Mais Informações
Objetivo
Benefícios
Programa
Instrutor
Público-alvo

Treinamento direcionado à profissionais que produzem informações, direta e indiretamente, e/ou lidam com Cadastros, Inventários, PCP, Produção e gestão de Estoques, bem como analistas de Custos Industriais, contabilidade e escrituração fiscal digital, que procuram aprimorar as informações que serão enviados à Receita Fiscal (SPED). Profissionais de TI, analistas e programadores de sistemas envolvidos com o desenvolvimento e implementação de ERP (recomendamos incluir ao menos um profissional desta área).

 

Treinamento oferecido exclusivamente In-company (curso fechado).

 

Metodologia
Introdução
 

Em breve as empresas industriais ou equiparadas deverão acrescentar mais um bloco no SPED Fiscal (EFD ICMS/IPI). 

 

  • Sua empresa esta preparada para enviar o Bloco K?
  • Seus processos atenderão as exigências da Receita federal?
 

Bloco K é um conjunto de informações relacionadas ao CONTROLE DA PRODUÇÃO E DOS ESTOQUES (modelo 3). Trata-se de uma “nova” obrigação acessória do SPED Fiscal, exigindo o envio mensal ao fisco (federal e estadual) de informações abrangendo Consumo específico padronizado, Perdas normais do processo produtivo (custo padrão) e a Substituição de insumos para todos os produtos fabricados pelo próprio estabelecimento ou através de terceiros. Esta obrigação é válida para todos os contribuintes do ICMS, com exceção das empresas enquadradas no Simples Nacional.

 

Bloco H é um conjunto de informações sobre os saldos dos Estoques (modelo 7), apurados através dos processos de Inventário geral e/ou rotativo. 

 

Para saber mais, leia nosso artigo sobre Bloco K neste LINK.

 

Neste treinamento detalhamos o que, por que, quando e como implementar as mudanças (obrigatoriedades) exigidas pelo fisco, abordando os principais desafios envolvidos, e como atende-los.

 

ESPECIALISTAS EM OTIMIZAÇÃO
© 2020 www.DanielGasnier.com
São Paulo - Atendemos em todo Brasil.