SIO: de que se trata?

White paper sobre nossa metodologia para Otimização de Atendimentos & Estoques

Service & Inventory Optimization (SIO)

Regulação Dinâmica dos Parâmetros de Estoques

custom_badge_2.png

Este é um MOVIGRAMA, e nos mostra as movimentações de entradas e saídas de um item em um depósito no tempo, possibilitando avaliarmos os saldos deste estoque.

Você está envolvido com Gestão de Estoques? Se está, e precisa melhorar seus atendimentos enquanto mantém reduzido seu capital de giro, deve estar DECEPCIONADO com a literatura ultrapassada, fórmulas simplórias e sistemas caros e superficiais, todos desenvolvidos na época em que a computação não nos oferecia tanta flexibilidade e capacidade computacionais. Só que os tempos mudaram, e existem melhores ferramentas analíticas ao seu alcance.

Despertada pela leitura do Manual SIO - um Guia sobre Gestão de Estoques - frequentemente surgem consultas de gestores e analistas de gestão de estoques, leitores e estudantes interessados nos novos conceitos e técnicas contidos no "framework SIO", perguntando de que se tratam todas estas novidades e ferramentas de Otimização do Atendimento?

 

Hora de esclarecer como SIO pode OTIMIZAR sua Gestão de Estoques...

 

Se partirmos da simples tradução do inglês, framework é uma estrutura ou moldura de um quadro, mas o termo também pode ser empregado com o significado de um conjunto ou universo de elementos que possuem vínculos expressivos em comum e integrados com um tema, isto é, pertencem a um mesmo domínio de um problema e de sua solução.

 

A sigla SIO - já definida em oportunidades anteriores - é o acrônimo de Service and Inventory Optimization, ou seja, se trata de uma abordagem para Otimização dos Atendimentos e dos Estoques. Temos pesquisado, desenvolvido e publicado diversos conceitos e instrumentos sobre este assunto ao longo do tempo, como resultado de inúmeras iniciativas e projetos realizados em nossos clientes, empresas de todo porte e ramo econômico.

 

portanto, framework SIO integra conceitos, técnicas e 21 ferramentas avançadas para Otimização da gestão de Atendimentos e Estoques, com a finalidade de resolver um paradoxo logístico: Ter o que não precisa e não ter justamente aquilo que precisa.

Interessa saber mais?   Avance sua leitura...

2) TREINAMENTOS SIO: Para os profissionais experientes ou "já iniciados" na especialidade de Gestão de Estoques, o Manual SIO oferece todos os subsídios para colocar em prática a abordagem SIO proposta pelo autor. Por outro lado, alguns gestores e analistas poderão optar por algum de nossos cursos, seja para capacitar sua equipe, nivelar conceitos ou mesmo rever, reciclar, atualizar ou validar seus conhecimentos. Neste sentido, desde 1094 oferecemos diversos títulos com programas distintos para cada necessidade especifica (conheça as opções mais populares ou converse conosco sobre customizações):

 

3) BENCHMARKS SIO: Já na terceira edição, desenvolvemos uma pesquisa de benchmark (marcos referenciais), apurando e compilando entre clientes e voluntários, as melhores praticas na gestão de estoques no Brasil. O que os analistas estão usando? Quais os resultados? Quais são os incômodos? Aqueles que participarem desta pesquisa recebem os resultados em primeira mão, assim que estes dados forem atualizados. Participe através deste LINK.

4) METODOLOGIA SIO: Além dos treinamentos, já implementamos mais de 50 projetos na abordagem SIO, portanto colecionamos inumeras Lições Aprendidas. Daí, a Abordagem SIO foi enriquecida ao longo de 30 anos, e a versão atual é composta por uma sequência de etapas idealizadas para analisar e compreender detalhadamente cada aspecto relevante da gestão de estoques, possibilitando identificar os problemas e suas causas, de modo a encaminharmos uma solução integrada e efetiva. Abaixo relacionamos as principais atividades (eletivas), deste processo, que desenvolvelmos na forma de eventos sob demanda (consulte):

5) MAPEAMENTOS SIO (MALHA LOGÍSTICA & BPM): Trata-se de um gabarito completo do sistema produtivo (recursos e capacidades) e do fluxo atual AS-IS dos materiais e dos Processos Operacionai relacionados, desde o inbound (matérias-primas, diretos, indiretos e MRO), atravessando as operações logísticas e industriais (material em elaboração), e terminando no outbound dos produtos acabados. As reposições de cada um destes itens precisa ser gerenciada, considerando cada depósito em que se encontra. Assim, a malha logística e o BPMN 2.0 são, via-de-regra, os primeiros instrumentos da metodologia SIO, possibilitando:

 

  • VISUALIZAR de forma holística (holos = todo) o fluxo de materiais.

  • Identificar relacionamentos entre os processos (dependências).

  • Detectar as restrições e gargalos destes processos.

  • Identificar os problemas, intercorrências, anomalias e riscos.

  • Detectar as posições estratégicas para estoques e buffers.

  • COMPREENDER os fluxos e a sua sincronização (ou falta desta).

  • Um MAPEAMENTO para COMUNICAR aos interessados como funciona o processo

  • Subsídios relevantes para MODELAR um novo sistema de gestão (PCP/MRP/etc..).

  • Dispor dos subsídios relevantes para avaliar as propostas de melhorias, visando sanear as fraquezas e OTIMIZAR o desempenho do sistema produtivo e logístico da empresa (esta ação deve minimizar perdas, reduzindo custos e então OTIMIZAR PRODUTIVIDADE e RESULTADOS).

  • Os subsídios para desenhar o modelo futuro (TO-BE).

 

Esta malha logística é fundamental para o inicio das analises, pois nos permite alcançar:

  • Concordância com relação aos Problemas: Foco, alinhamento e consenso sobre a causa-raiz dos problemas.

  • Concordância com relação ao direcionamento da solução: As propostas serão facilmente identificadas.

  • Concordância de que a solução resolverá o problema: As propostas poderão ser validadas como efetivas.

  • Conforto de que a solução não trará outros efeitos indesejáveis (sintomas colaterais).

  • Conforto de que a solução é viável, isto é, pratica, pragmática, simples e efetiva. 

6) FERRAMENTAS SIO para OTIMIZAÇÃO: Diversos instrumentos avançados integram o framework SIO. Este elementos estão definidos no Manual SIO, e são explorados na pratica, em nossos treinamentos e projetos. Entre estas ferramentas, destacamos:

  • Gestão da Qualidade da informação: Manual PDM, m@CS.PS, MD-AUDIT e Acurácia logística.

  • Stock Analytics composto de mais de 150 medições estatísticas e 36 gráficos analíticos por item-depósito.

  • Túnel dinâmico: Parâmetros Exposição à ruptura e Nível excedente atualizados automaticamente no ERP.

  • Off-sets Basal e Basal-alto.

  • Gatilho SIO de reposição baseado na Curva de Demanda.

  • Tempo Médio Entre Reposições (TMER).

  • Tempo Médio Entre Apanhes (TMEA).

  • Sincronização e dimensionamento dinâmico do tamanho dos lotes de reposição.

  • Curva de Alavancagem.

  • Árvore de encaminhamentos (regras de negócio).

  • Mecanismos para intervenção manual dos analistas.

  • Software SIO PANORAMA (script open source).

  • Software SIO GRADIENTE(script open source).

  • Software SIO FORECAST(script open source).

  • Software SIO FORESIGHT (script open source).

 

7) CLÍNICA SIO: Quando contratados para otimizarmos a Gestão do Atendimento e Estoques de uma empresa,  uma das alternativas que oferecemos é conduzirmos um processo sistemático de avaliação da MATURIDADE SIO em cinco dias, orientado por um roteiro de questões criticas e analises quantitativas que conduzem os gestores e analistas em um processo de compreensão das oportunidades e aperfeiçoamentos dos modelos de gestão. Neste processo caracterizamos juntos o estágio em qu se encontra sua empresa, e direcionamos um plano de Ações para encaminha-la aos próximos niveis. Saiba mais neste LINK.

 

8) TAXONOMIAS SIO: Propomos não apenas o clássico critério de classificação ABC, mas ampliamos as perspectivas acrescentando inúmeros critérios complementares, tais como a classificação de popularidade (PQR) e de abrangência (UVW) {entre outras}, produzindo os Mapas taxonomicos.

15) SIO MARKDOWN: Caso você necessite personalizar seus relatórios gerenciais rotineiros? Nesta ferramenta, que já demanda algum conhecimento um pouco mais avançado em R studio, os analistas poderão desenvolver relatorios em HTML, Word ou Powerpoint, e distribuir aos seus publicos.

16) PLATAFORMA SIO para SIMULAÇÕES: Ambas as versões acima (SDS e Dashboard), possibilitam a simulação do saldo (what if) caso estivessemos praticando os paramentos de gestão calculados pelo metodologia SIO. Esta técnica permite avaliarmos a aderência dos modelos na realidade da empresa, realizando ajustes sempre que requeridos.

 

17) SIO PANORAMA e SIO GRADIENTE: Estas duas aplicações trabalham integradas, visando tanto a Otimização local como global, e consiste na mais recente revolução da abordagem SIO, pois resolvemos as limitações que antes enfrentávamos na implementação nas empresas, pois facilitamos a integração com quaisquer sistemas ERP. Trata-se de uma aplicação desenvolvida em R e suas extensões para possibilitar a Regulação dinâmica dos estoques, que gera mais de 150 estatísticas descritivas, parâmetros de gestão e diversos gráficos, entre os quais: Taxonomia SIO, Indeep SIO, Assinaturas SIO e Panorama SIO. Saiba mais neste LINK.

17) SIO FORECAST: O SIO PANORAMA serve muito bem quando a estratégia é PUXAR (pull) a reposição de Demandas Independentes (por exemplo, para itens MRO, como num hospital ou aeroporto). Por outro lado, o que fazer quando temos itens dependentes EMPURRADOS (push) por previsão ou MRP? Para estes casos de uso, desenvolvemos outra solução chamada SIO FORECAST, capaz de processar forecast dinâmico UNI e MULTI-VARIÁVEIS, com inúmeros modelos avançados, tambem oferecida a um valor viável, junto com o treinamento de qualificação conceitual e operacional.

SIOFORECASTpagina4.png
Logo SIO Forecast.png

18) SIO FORESIGHT: Uma aplicação para cada necessidade. Neste instrumento complementar, desenvolvido sob demanda para alguns usuários que já utilizam SIO FORECAST e SIO PANORAMA, automatizamos uma rápida conversão dos extratos de movimentações do SIO PANORAMA para o formato requerido no SIO FORECAST.

20) "S&IO" - A Integração do processo S&OP com SIO: Implemente um verdadeiro UPGRADE nas suas planilhas S&OP. Para efetivamente OTIMIZAR o desempenho Global de sua empresa, é preciso Intervir no Local. A Gestão de Estoques SIO implica granulometria de cada SKU, cada Local (depósito) e cada transação, buscando o ótimo LOCAL. Naturalmente, esta programação e sequenciamento fino precisa estar alinhado com o Planejamento mestre dos processos de Sales and Operations Planning. Aqui entra o SIO GRADIENTE para definir o ótimo GLOBAL. E fomos além, integrando S&IO com as melhores práticas de IBO (Integrated Business Optimization).

21) CONSULTORES SIO (SUCESSO DO CLIENTE): Para prover suporte nestas ferramentas, tambem oferecemos assessorias técnicas, projetos de Implementação e eventos de atualização, enriquecemos o conteúdo com pesquisas, desenvolvimentos, customizações e frequentes atualizações, através de palestras, encontros gratuitos e workshops pagos, bem como serviços de consultoria técnica, para aplicações personalizadas.

21 componentes do framework SIO

 

1) MANUAL SIOEsta obra é a referência bibliográfica e o ponto de partida da metodologia SIO. Começe por aqui, pois se trata do livro-texto de nossos treinamentos em Gestão de Estoques, que compila todos os elementos desta moderna abordagem. Publicada pela editora MAG em 2017, é distribuída com exclusividade pela revista Mundo Logística: Adquira seu exemplar através deste LINK.

9) ONTOLOGIAS SIO: Não basta classificar. É preciso DIVIDIR para conquistar. Na abordagem SIO nos valemos de políticas, estratégias, táticas, regras de negócio configuráveis (por isso precisamos de um software com codigo aberto) e procedimentos para otimização dos atendimentos e estoques.

10) MOVIGRAMAS SIO (figura acima): Ao longo de 30 anos desenvolvendo esta metodologia, e das lições aprendidas me mais de 50 projetos aplicados, todos os elementos da abordagem SIO se revelaram críticos e relevantes (os irrelevantes já foram excluídos nas várias revisões que fizemos). No entanto, a ferramenta mais visual e marcante ainda é o diagrama de movimentações (transações de entradas, saídas e saldos subsequentes) que desenvolvemos há 30 anos, pois possibilita interpretarmos o quanto adequado (ou não) esta o dimensionamento dos estoques. 

PROCESSO DE SINTONIZAÇÃO: No framework SIO procuramos praticar visualizações minimalistas. No PAINEL SIO PANORAMA abaixo - por exemplo - mostramos diversas distribuições relevantes para a gestão de estoques global, possibilitando que o analista avalie as proporções das quantidades de itens adequadas, bem como aquelas que precisam de sua intervençao para melhorarem, e assim encaminhamos um processo de melhorias contínuas (kaizens):

11) GALERIA SIO: Cada movigrama pode ser uma combinação de diversos "padrões". A galeria auxilia o analista, pois é composta dos diversos perfis típicos de modo a facilitar a interpretação dos tipos de demandas, ofertas e saldos {para saber mais, consulte o Manual SIO}.

 

12) NOTAS DE AVALIAÇÃO SIO: Evoluímos da interpretação subjetiva dos movigramas para o estágio de quantificação objetiva do desempenho da gestão de cada item (SKU) e local (depósito).

 

13) PLANILHA SIO: A elaboração dos movigramas pode ser realizada em uma simples planilha MS-Excel ou equivalente. Aliás, em nossos treinamentos entregamos um template pronto para uso, e quem adquire o livro neste LINK receberá um template gratuito.

14) SIO DASHBOARD: A versão SIO no MS-Excel tem seus méritos e suas vantagens. No entanto, reconhecemos que deixa a desejar em algumas funcionalidades estatísticas e visuais. Foi por esta razão que aperfeiçoamos o método, desenvolvendo a aplicação SIO DASHBAORD em R, capaz de oferecer uma analise ainda mais elaborada, tudo em uma única pagina A3. O pessoal tem se encantado com esta nova versão do MOVIGRAMA SIO, que praticamente aposentou a planilha SDS em diversos casos.

ESPECIALISTAS EM OTIMIZAÇÃO
© 2021 www.DanielGasnier.com
São Paulo - Atendemos em todo Brasil.